Links Patrocinados

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Co-dependência. Você é um co-dependente????



quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Curso Gestão das Emoções no Rio de Janeiro


quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Curso Energia Emocional no Rio de Janeiro


domingo, 5 de outubro de 2014

Há muita verdade que o público desconhece

Em tempos de eleição, este livro é muito indicado para reflexão:

A Mulher do Senador - Karen Robards

Ronnie Honnecker é a esposa do senador. Quando se apaixonou pelo político arrojado os fortes sentimentos a impediram de ver os defeitos no homem. E quando ela descobriu a constante necessidade que ele tinha de procurar outras mulheres, já era tarde demais. Agora, todo o glamour da política não pode compensar a solidão de Ronnie, ou os casos extraconjugais do marido. Especialmente um desses casos, que acaba por explodir na mídia como um escândalo sexual. Perseguida por repórteres, Ronnie deixa o estrategista político, Tom Quinlan, cuidar da situação.

Relutantemente, acaba concordando em ficar ao lado do marido até a próxima eleição. Porém, entre quatro paredes, Ronnie está passando por um profundo estado de agitação e apaixonando-se por Tom. Mas enquanto Tom e Ronnie estão buscando apoio um no outro, o inesperado acontece: a morte violenta do senador a coloca de novo sob os holofotes, mas desta vez como a principal suspeita do assassinato do senador. Agora, apenas uma única coisa pode provar a inocência de Ronnie: toda a chocante verdade…

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

Viver sem Internet e sem telefone

Sobre|Viver - Amazónia
palestra & exposição

A Nomad em associação com a National Geographic convida-o a assistir à inauguração da exposição e participar na palestra sobre esta aventura.

Sábado, 11 de Outubro às 15h00
Museu Nacional da História Natural e da Ciência
Principe Real, Lisboa | Entrada Livre

Quatro líderes Nomad - António, Tiago, Inácio e Eduardo - partiram numa viagem de barco pelo rio Beni, um isolado curso de água na Amazónia boliviana, para documentar o quotidiano das comunidades que habitam na suas margens. Não foi uma busca pela Amazónia dos índios, mas sim por uma Amazónia onde (sobre)vivem pessoas comuns em condições excepcionais.

Ao longo de 1000km navegaram pelo Beni, onde se depararam com pequenas comunidades de meia dúzia de famílias vivendo num paradigma social e económico que desafia as convenções vigentes no mundo ocidental: a moeda não existe no quotidiano, a terra é comunal e a internet e telefone são miragens. Gente tenaz que diariamente enfrenta os desafios de um clima hostil e o isolamento da selva profunda.

quarta-feira, 1 de outubro de 2014

O sucesso não ocorre por acaso

Este livro já foi lido com entusiasmo por mais de meio milhão de pessoas, em mais de 200.000 exemplares vendidos mantendo-se em primeiro lugar durante muitos meses na lista de BEST SELLERS.

Em linguagem cativante e acessível a todos os leitores, nos ensina a modificar o nosso relacionamento com o mundo, de uma forma tão poderosa que nos torna capazes de obter, na vida, tudo o que almejamos.

A neurolingüística nos ensina que, a cada momento, estamos criando em nosso cérebro a nossa própria realidade.

Portanto, realizar seus sonhos e ser bem-sucedido na vida são conquistas que dependem essencialmente de nós mesmos.

Mas como chegar lá? Através de técnicas surpreendentes, ao mesmo tempo simples e sofisticadas, o Dr. Lair Ribeiro nos apresenta os segredos do SUCESSO, revelando novos paradigmas que mexem com nossa maneira de raciocinar e de atuar no universo.

Aumentar a capacidade mental, balancear os dois hemisférios do cérebro, desenvolver positivamente a auto-estima, concentrar-se em suas qualidades, aprender a perceber as oportunidades (“o óbvio só é óbvio para o olho preparado”), estabelecer as melhores metas e atingi-las – estes são alguns dos segredos que você aprenderá com este livro e que poderão ser decisivos em sua vida.

Fábula do Rei e suas Quatro Esposas

Era uma vez... um Rei que tinha 4 esposas.

Ele amava a 4ª esposa demais, e vivia dando-lhe lindos presentes, jóias e roupas caras. Ele dava-lhe de tudo e sempre do melhor.

Ele também amava muito sua 3ª esposa e gostava de exibi-la aos reinados vizinhos. Contudo, ele tinha medo que um dia, ela o deixasse por outro rei.

Ele também amava sua 2ª esposa. Ela era sua confidente e estava sempre pronta para ele, com amabilidade e paciência. Sempre que o Rei tinha que enfrentar um problema, ele confiava nela para atravessar esses tempos de dificuldade.

A 1ª esposa era uma parceira muito leal e fazia tudo que estava ao seu alcance para manter o Rei muito rico e poderoso, ele e o reino. Mas, ele não amava a 1ª esposa, e apesar dela o amar profundamente, ele mal tomava conhecimento dela.

Um dia, o Rei caiu doente e percebeu que seu fim estava próximo.

Ele pensou em toda a luxúria da sua vida e ponderou:

“É, agora eu tenho 4 esposas comigo, mas quando eu morrer, com quantas poderei contar?”

Então, ele perguntou à 4ª esposa:

- Eu te amei tanto, querida, te cobri das mais finas roupas e jóias. Mostrei o quanto eu te amava cuidando bem de você. Agora que eu estou morrendo, você é capaz de morrer comigo, para não me deixar sozinho?

- De jeito nenhum! respondeu a 4ª esposa, e saiu do quarto sem sequer olhar para trás.

A resposta que ela deu cortou o coração do Rei como se fosse uma faca afiada.

Tristemente, o Rei então perguntou para a 3ª esposa:

- Eu também te amei tanto a vida inteira. Agora que eu estou morrendo, você é capaz de morrer comigo, para não me deixar sozinho?

- Não!!!, respondeu a 3ª esposa. A vida é boa demais!!! Quando você morrer, eu vou é casar de novo.

O coração do Rei sangrou e gelou de tanta dor.

Ele perguntou então à 2ª esposa:

- Eu sempre recorri a você quando precisei de ajuda, e você sempre esteve ao meu lado. Quando eu morrer, você será capaz de morrer comigo, para me fazer companhia?

- Sinto muito, mas desta vez eu não posso fazer o que você me pede! respondeu a 2ª esposa. O máximo que eu posso fazer é enterrar você!

Essa resposta veio como um trovão na cabeça do Rei, e mais uma vez ele ficou arrasado.

Daí, então, uma voz se fez ouvir:

- Eu partirei com você e o seguirei por onde você for...

O Rei levantou os olhos e lá estava a sua 1ª esposa, tão magrinha, tão mal nutrida, tão sofrida... Com o coração partido, o Rei falou:

- Eu deveria ter cuidado muito melhor de você enquanto eu ainda podia...


Na verdade, nós todos temos 4 esposas nas nossas vidas...

Nossa 4ª esposa é o nosso corpo. Apesar de todos os esforços que fazemos para mantê-lo saudável e bonito, ele nos deixará quando morrermos...

Nossa 3ª esposa são as nossas posses, as nossas propriedades, as nossas riquezas. Quando morremos, tudo isso vai para os outros.

Nossa 2ª esposa são nossa família e nossos amigos. Apesar de nos amarem muito e estarem sempre nos apoiando, o máximo que eles podem fazer é nos enterrar...

E nossa 1ª esposa é a nossa ALMA, muitas vezes deixada de lado por perseguirmos, durante a vida toda, a Riqueza, o Poder e os Prazeres do nosso Ego...

Apesar de tudo, nossa Alma é a única coisa que sempre irá conosco, não importa aonde formos...

Então... Cultive... Fortaleça... Bendiga... Enobreça... sua Alma agora!!!

É o maior presente que você pode dar ao mundo... e a si mesmo.
Deixe-a brilhar!

Explicações e Interpretações - as dificuldades dos pais de falarem serenamente sobre assuntos delicados


Joãozinho está dentro do carro do seu pai, quando avista duas prostitutas na calçada...
- Pai, quem são aquelas senhoras?
O pai meio embaraçado, responde:
- Não interessa filho... Olhe antes para esta loja... Já viu os lindos brinquedos que tem?
- Sim, sim, já vi. Mas... quem são as senhoras e o que é que estão fazendo ali paradas?
- São... são. São senhoras que vendem na rua.
- Ah, sim?! Mas vendem o quê?? - Pergunta admirado o garoto.
- Vendem.... vendem... Sei lá... vendem um pouco de prazer.
O garoto começa a refletir sobre o que o pai lhe disse, e quando chega em casa, abre a sua carteira com a intenção de ir comprar um pouco de prazer.
Estava com sorte! Podia comprar 50 reais de prazer!
No dia seguinte vai ver uma prostituta e pergunta-lhe:
- Desculpe, minha senhora, mas pode-me vender 50 reais de prazer, por favor?
A mulher fica admirada, e por momentos não sabe o que dizer, mas como a vida está difícil, ela aceita. Porém, como não poderia agir de forma 'normal' com o garotinho, leva o garoto para casa dela e prepara-lhe seis pequenas tortas bem gostosas de morango e chocolate.
Já era tarde quando o garoto chega em casa.
O seu pai, preocupado pela demora do filho, pergunta-lhe onde ele tinha estado. O garoto olha para o pai e diz:
- Fui ver uma das senhoras que nós vimos ontem, para lhe comprar um pouco de prazer!
O pai fica amarelo:
- E... e então... como é que se passou?
- Bom, as quatro primeiras não tive dificuldade em comer, a quinta levei quase uma hora e a sexta foi com muito sacrifício. Tive quase que empurrar para dentro com o dedo, mas comi mesmo assim. Ao final estava todo lambuzado, melequei todo o chão, e a senhora me convidou para voltar amanhã, mas para ser sincero ao senhor eu só tive prazer nas três primeiras , as outras só comi para mostrar que sou homem mesmo, posso ir amanhã novamente, pai?
O pai desmaiou.